13/02/2014 – Assassinatos de Homossexuais no Brasil: Relatório 2013/2014

13/02/2014 - 15:23 -
Email this to someoneShare on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0

(Agência Patrícia Galvão) No dia 12 de fevereiro deste ano o Grupo Gay da Bahia divulgou o relatório anual de assassinatos de brasileiros e brasileiras por motivação homofóbica. Desde 2001, a organização não-governamental produz levantamentos sobre os crimes ocorridos em decorrência da discriminação por orientação de gênero no país.

Segundo dados apresentados nesta edição do relatório, no ano passado foram documentados 312  assassinatos de gays, travestis e lésbicas no Brasil (o número inclui as mortes de uma transexual brasileira no Reino Unido e de um gay na Espanha). A quantia representa um assassinato a cada 28 horas, um pequeno decréscimo (-7,7%) em relação ao ano passado (338 mortes), mas um aumento de 14,7% desde a posse da Presidenta Dilma.

Os gays lideram o que o GGB denomina “homocídios”: 186 (59%), seguidos de 108 travestis (35%), 14 lésbicas (4%), 2 bissexuais (1%) e 2 heterossexuais.

Confira aqui a íntegra do estudo.