Maioria das mulheres entre 18 e 24 anos se considera feminista, diz estudo

04/08/2017 - 15:29 -
Print Friendly, PDF & Email
Email this to someoneShare on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0

Seja graças à cultura pop ou à mudança de paradigmas sociais, 54% das mulheres entre 18 e 24 anos se consideram feministas, aponta um estudo da agência de mídia UM London, que entrevistou mais de 2 mil pessoas espalhadas pelo Reino Unido. Ainda de acordo com a mesma pesquisa, o número é ainda maior entre garotas de 13 a 18 anos: 69% se posicionam a favor do empoderamento feminino.

(UOL, 04/08/2017 – acesse no site de origem)

Já entre mulheres de 24 a 35 anos, o número é menor, ainda que expressivo. 44% se identificam com o rótulo. Como se esperava, entre as mulheres acima desta faixa etária, o feminismo ainda é uma causa com menor aderência, despertando o engajamento de apenas 36% das consultadas.

“Nossos números sugerem que o feminismo se desligou do seu passado estigmatizado onde o termo era considerado sujo”, disse Sophia Durrani, sócia e gerente de estratégia da agência, ao site Broadly. “A pesquisa sugere que mulheres jovens estão crescendo em um mundo onde elas não entendem porque ainda se questiona a igualdade. Os jovens estão mais igualitários em suas mentalidades do que nunca e deixaram o papo vazio sobre ‘girl power’ para trás para discutir a igualdade como uma norma”.

“Esta mudança poderia significar que o patriarcado hoje se encontra em uma posição em que finalmente está próximo de acabar”, concluiu Sophia.