Estupros aumentaram 10% em São Paulo em 2017

24/01/2018 - 15:56 -
Print Friendly, PDF & Email
Email this to someoneShare on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0

Desde 2009, quando houve alteração da legislação, são considerados estupros todos os ataques sexuais contra homens e mulheres. Até então, só eram considerados estupros penetração vaginal. Tanto o secretário quanto os especialistas não tem uma explicação científica desse elevação.

(Folha de S.Paulo, 24/01/2018 – acesse no site de origem)

Os furtos em geral ficaram praticamente estável, com elevação de 0,14%: foram de 514.892 para 515.594. Já os roubos em geral caíram 6%, indo de 323.274 para 303.906.

Lais mais: Estatísticas – Violência Contra as Mulheres (SSP São Paulo)

Em sua metodologia, o Fórum inclui os homicídios praticados por policiais de folga e serviço. Em São Paulo, o governo exclui a letalidade policial de suas contas. Por esses dados, a taxa paulista sobe para 11 mortes para cada grupo de 100 mil pessoas.