22/09/2012 – Falta de creches inviabiliza trabalho de mãe em São Paulo

335
0
Compartilhar:
image_pdfPDF
(Folha de S.Paulo) A falta de creche para o filho impede Jucilene Maria Conceição, 28, de trabalhar. Moradora da favela Real Parque, na zona sul de São Paulo, ela aguarda uma vaga para seu filho caçula, Henrique, de três anos.
 
“Eu já perdi emprego porque não tenho escola pra deixar ele”, conta.
 
A vaga era de auxiliar em uma escola.
 
Além de Henrique, ela também é mãe de Elaine, 12 anos, Elen, 9, e Gabrielle, 5. Nenhuma delas está estudando por falta de vagas.
 
A situação dela não é única no Real Parque. A região tem atualmente uma creche, com 120 vagas. Com isso, 250 crianças estão na fila.
 
Até o final de 2013 está prevista a construção de uma nova creche, com capacidade para mais 170 crianças, segundo Washington Bezerra, líder comunitário da favela do Real Parque.
 
Jucilene lamenta, pois até lá seu filho não terá mais idade para frequentar a creche.

 

Acesse em pdf: Falta de creches inviabiliza trabalho de mãe paulistana (Folha de S.Paulo – 22/09/2012)

Compartilhar: