Google e Fundo Baobá lançam edital para apoiar com R$ 1 milhão organizações que se dedicam à equidade racial

186
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Estadão de São Paulo| 05/05/2021 | Por Redação)

O Fundo Baobá para Equidade Racial, com apoio do Google.org, braço filantrópico do Google, lança nesta quarta, 5, um edital para apoiar coletivos, organizações e movimentos sociais negros que atuam no enfrentamento do racismo, da violência racial e incorreções que ocorrem dentro do sistema de Justiça Criminal no Brasil.

O edital Vidas Negras: Dignidade e Justiça vai selecionar 10 entidades e apoiá-las com R$ 100 mil para cada. As inscrições vão até dia 6 de junho e podem ser feitas no site do Fundo Baobá para Equidade Racial.

As instituições também vão receber suporte técnico para fortalecimento institucional e participarão de jornadas formativas. Já os líderes das entidades vão receber, de forma virtual, capacitação e ferramentas de planejamento, monitoramento e avaliação de projetos, gestão e captação de recursos.

As organizações interessadas devem apresentar suas propostas dentro de quatro temas: Enfrentamento à violência racial sistêmica; Proteção comunitária e promoção da equidade racial; Enfrentamento ao encarceramento em massa entre adultos e jovens negros e redução da idade penal para adolescentes; e Reparação para vítimas e sobreviventes de injustiças criminais com viés racial.

“No ano em que o Fundo Baobá celebra 10 anos de existência, o lançamento do Programa Equidade Racial e Justiça e deste edital é uma oportunidade para a comunidade negra intervir em alguns efeitos e promover mudanças positivas. Apenas as ações de políticas públicas não têm sido suficientes para conter a crescente escalada de violências e outras violações de direitos que assolam a população negra brasileira”, diz Selma Moreira, diretora executiva do Fundo Baobá.

Compartilhar: