A cada 10 brasileiros, 6 conhecem uma menina ou mulher vítima de estupro no país

Compartilhar:
image_pdfPDF

É o que revela novo vídeo da Agência Patrícia Galvão baseado na pesquisa Percepções sobre direito ao aborto em caso de estupro

(Agência Patrícia Galvão | 25/03/2022)

Mais da metade da população (64%) conhece uma menina ou mulher vítima de violência sexual. Este dado faz parte do vídeo da Agência Patrícia Galvão baseado na pesquisa de opinião Percepções sobre direito ao aborto em caso de estupro, lançada nesta sexta-feira, 25, pelo Instituto Patrícia Galvão em parceria com o Instituto Locomotiva. O vídeo também aponta que é preciso desnaturalizar o estupro, já que apenas metade da população (56%) concorda que se o homem tira o preservativo sem que a mulher saiba, ele está cometendo um estupro. E, ainda, 81% discordam que quando o estupro acontece dentro de casa deve ser resolvido no âmbito privado. 

Acesse a íntegra da pesquisa  Pesquisa Percepções sobre estupro e aborto previsto por lei. Participaram do estudo online nacional 2 mil pessoas, com 16 anos ou mais, entre 27 de janeiro e 4 de fevereiro de 2022. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais.

 

Compartilhar: