Exposição Mulheres Ciganas: Rostos e identidades, DF, 01/07 a 02/08/2014

1870
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Portal do Senado, 16/06/2014) O Senado Federal receberá uma mostra fotográfica inédita no Brasil: Mulheres Romaní (ciganas). Rostos e Identidades. A exposição começará em 1º de julho (terça-feira) e se estenderá até 2 de agosto (sábado) no Espaço Galeria no anexo I da Casa. A iniciativa tem o apoio da Procuradoria Especial da Mulher do Senado.

A mostra está sendo apresentada pela Associação Internacional Maylê Sara Kalí (AMSK/Brasil). Fotos do acervo da AMSK, registradas no Brasil e em Portugal, e trechos de obras literárias serão mostrados. O objetivo é gerar reflexão sobre essa realidade, realizando a primeira exposição do gênero no país.

O primeiro registro oficial da chegada dos ciganos ao Brasil data de 1562. Passados 452 anos, o rosto das mulheres romaní ainda é muito pouco conhecido. Pertencentes a diferentes grupos étnicos em todas as regiões do país, elas trazem marcas da invisibilidade, da discriminação e da perseguição sofrida pelos povos romaní. As ciganas e os ciganos brasileiros estão expostos rotineiramente ao preconceito, ao racismo e às violações de Direitos Humanos. Apesar dos avanços nessa área, a vulnerabilidade ainda é grande, havendo muitos desafios.

Por essas razões, a ideia dos organizadores da mostra é revelar a força, as identidades e a diversidade dessas mulheres, contando sua história, dores, conquistas, alegrias e lutas, garantindo que esses grupos étnicos sejam respeitados e garantam mais espaço na sociedade brasileira.

A exposição é gratuita e será aberta ao público, de segunda a sexta-feira, entre 9h e 17h, no Espaço Galeria do Senado Federal.

Acesse o site de origem: Exposição Mulheres Ciganas: Rostos e identidades, DF, 01/07 a 02/08/2014

 

 

Compartilhar: