Virada Feminista: A Resistência que Transforma – São Paulo/SP, 03 e 04/09/2016

895
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

A Virada Feminista é organizada a partir da Marcha Mundial das Mulheres e da SOF Sempreviva Organização Feminista, que participa do programa Cultura Viva e é um ponto de cultura da cidade de São Paulo.

(SOF, 01/09/2016 – acesse no site de origem para mais informações)

O QUE É A VIRADA FEMINISTA?

A Virada Feminista é um esforço coletivo de mulheres militantes, artistas e artistas militantes para promover 24h de cultura feminista na cidade de São Paulo! Inspirada na resistência cotidiana das mulheres, a Virada contará com atividades de dança, cinema, teatro, literatura, internet livre, fotografia, zine, agroecologia, grafite e culinária das 18h às 18h nos dias 3 e 4 de setembro!

POR QUE UMA VIRADA FEMINISTA?

Enquanto o machismo tenta transformar os corpos femininos em objetos, as distâncias – geografias e sociais – produzidas nas cidades aprofundam as desigualdades entre mulheres e homens, brancas e negras, pobres e ricos. Submetidas a uma intensa jornada de trabalho e responsáveis por todo o cuidado com a casa e a família, as mulheres são excluídas de vivenciar e transformar a cidade.

No mundo em que vivemos, estar no espaço público pode significar, para as mulheres, possibilidades de serem deslegitimadas, desrespeitadas, assediadas e violentadas. Ao mesmo tempo, ocupar este espaço é uma das mais fortes demonstrações de resistência. Nas ruas, praças, palcos e palanques, as mulheres, inconformadas e persistentes, revelam-se protagonistas da transformação de suas próprias vidas e do mundo.

Compartilhar: