Webinário: Violência de gênero e a Covid-19: evidências, vigilância e atenção

349
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

Os surtos de doenças afetam mulheres e homens de maneiras diferentes, e as pandemias tornam piores as desigualdades existentes para mulheres e meninas. Em tempos de crise, mulheres e meninas podem estar em maior risco de violência por parceiro íntimo e outras formas de violência doméstica devido ao aumento de tensões na família. Como os sistemas que protegem mulheres e meninas, incluindo estruturas comunitárias, podem estar enfraquecidos ou inativos neste contexto, medidas específicas devem ser implementadas para as proteger do risco de violência por parceiro íntimo com a dinâmica de risco imposta pelo COVID-19.

Nesta segunda edição da série de webinários População e Desenvolvimento em Debate, especialistas discutirão sobre violência baseada em gênero no contexto do COVID-19.

Webinário: Violência de gênero e a Covid-19: evidências, vigilância e atenção  
Quando: Quarta feira, 06 de maio de 2020
Horário: 15h às 16h30

Palestrantes

       Jackeline Romio
Demógrafa

Jackeline Romio é doutora em Demografia pelo Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Unicamp. Desenvolve pesquisas interdisciplinares sobre violência e a relação entre opressão racial e escreve artigos científicos sobre feminicídio, epistemologia feminista, mortalidade feminina, saúde e indicadores sociais de violência contra a mulher.

Julieta Palmeira
Secretária Estadual de Políticas para as Mulheres da Bahia (SPM/BA)

Julieta Palmeira é médica geriatra e integrante do movimento de mulheres desde os anos 70, quando iniciou a participação na União Brasileira de Mulheres (UBM). Desde 2017, ocupa o cargo de secretária de Políticas para as Mulheres do Estado da Bahia e desde então vem desenvolvendo ações de enfrentamento à violência contra as mulheres no estado.

Jacqueline Pitanguy
Socióloga

Jacqueline Pitanguy é socióloga e foi professora na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro e também lecionou na Universidade de Rutgers, nos Estados Unidos. Foi presidente do Conselho Nacional dos Direitos da Mulher (CNDM) e integrou, na qualidade de notório conhecimento, o Conselho Nacional dos Direitos da Mulher. Internacionalmente, Jacqueline é membro do Conselho Diretor do WLP, Women Learning Partnership for Peace, Development and Rights. Integra também o Inter American Dialogue. É fundadora e coordenadora executiva da CEPIA, Cidadania Estudos, Pesquisa, Informação, Ação, uma organização não governamental que trabalha no marco dos direitos humanos e com a perspectiva de gênero.

Facilitadora

Júnia Quiroga
Representante Auxiliar do Fundo de População das Nações Unidas no Brasil

Compartilhar: