Plataforma da ONU reúne todos os serviços de apoio às mulheres vítimas de violência no Brasil. Saiba como acessar

104
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

Fundo de População das Nações Unidas no país lançou nesta quinta (10) site que reúne canais de denúncias, de acolhimento e de ajuda jurídica, psicológica e de saúde para quem sofre violência de gênero

(Celina/O Globo | 10/12/2020 | Por Renata Izaal)

As estatísticas não negam: não é seguro ser mulher no Brasil. Segundo o Fórum de Segurança Pública, foram 648 casos de feminicídio no país no primeiro semestre de 2020. A cada dois minutos uma mulher sofre agressão corporal e, a cada sete horas, uma mulher é morta apenas por ser mulher. Um quadro que tornou-se ainda mais grave com o isolamento social necessário para conter a pandemia de Covid-19, que trancou meninas e mulheres em casa com seus agressores ao mesmo tempo que tornou mais difícil a busca por ajuda.

Acesse a matéria completa no site de origem.

Compartilhar: