Flórida pode ter primeiro caso de transmissão local de zika

315
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Brasileiros, 20/07/2016) Centro de Controle de Doenças investiga se paciente pode ter contraído a doença no condado de Miami-Dade, na Flórida. Até agora não houve transmissão local, segundo as autoridades de saúde americanas.

As autoridades de saúde de Miami, na Flórida, uma das áreas mais procuradas por turistas nos Estados Unidos, estão realizando uma ativa investigação epidemiológica de um caso que pode ser o primeiro de transmissão local nos Estados Unidos. A infecção teria ocorrido no condado de Miami-Dade County, estrutura que se assemelha às subprefeituras da cidade de São Paulo.

Autoridades de saúde locais e do CDC estão monitorando risco de transmissão local do vírus zika. Imagem: Bing

Número de casos de zika aumenta nos Estados Unidos especialmente na região Sul, que enfrenta pico do verão. Imagem: Bing

O CDC participa do estudo do caso. Nessa área, foram registrados até agora 88 casos, mas, segundo os registros, todos foram importados – a pessoa se infectou em viagens a outros países.  Até agora, dos 1.306 casos de zika notificados nos Estados Unidos e Havaí, nenhum foi atribuído à transmissão local.

Críticas à preparação para enfrentar a epidemia
Há grande preocupação com as dimensões que a epidemia da febre zika poderá assumir em todo o Sul do país e partes do Sudoeste no período de julho a agosto, meses de pico do verão.  Nesta terça-feira (19), o CDC anunciou a liberação de um financiamento adicional de US $ 27 milhões para a preparação de emergências que poderá ser investido nos esforços para controlar a epidemia de zika. Na verdade, existe um grande debate ao redor das verbas investidas pela administração Obama no combate ao zika. Segundo o Washington Post, as autoridades sanitárias têm dito que os US $ 589 milhões redirecionados pelo governo para o enfrentamento do zika (eram destinados ao Ebola) não serão suficientes.

O jornal afirma que o fracasso dos legisladores em aprovar novos financiamentos está atrapalhando a pesquisa de uma vacina, o desenvolvimento de kits diagnósticos mais precisos para identificar a doença e a realização de pesquisas de longo prazo sobre as consequências do vírus durante a gravidez. O Washington Post informa ainda que setores do governo enviaram mensagem aos líderes republicanos afirmando que a falta de recursos e legislação específica poderá também impedir significativamente a capacidade da administração de se preparar para responder a uma possível transmissão local nos Estados Unidos e Havaí.

Acesse o site de origem: Flórida pode ter primeiro caso de transmissão local de zika (Brasileiros, 20/07/2016) 

Compartilhar: