“Legalização do aborto na Argentina impactará o Brasil”, diz Debora Diniz

Compartilhar:
image_pdfPDF

(Universa | 10/12/2020 | Por Júlia Flores)

O projeto de lei para tornar o aborto um procedimento legal na Argentina está sendo votado nesta quinta-feira (10) pela Câmara de Deputados. O PL foi apresentada pelo presidente Alberto Fernández em novembro de 2020, após uma série de protestos feministas tomarem contas das ruas do país.

De acordo com o jornal argentino Clarín, ainda não é certo que o projeto será aprovado nesta quinta. Para que o PL avance ao Senado, é preciso que 129 deputados aprovem a medida. Segundo apuração prévia, 123 políticos devem votar a favor, 109 contra e 24 seguem indefinidos.

Acesse a matéria completa no site de origem.

Compartilhar: