03/08/2010 – Filme “Positivas” mostra o risco em relações estáveis (Folha)

561
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Folha de S.Paulo) Mulheres casadas são 64% das infectadas por HIV no Brasil. Este é o tema do documentário “Positivas”, um dos destaques da sexta edição de Cinema Mostra Aids, que começa no dia 12 e vai até 19, em São Paulo.

O filme apresenta as histórias de sete mulheres que foram contaminadas em relações estáveis. São mulheres como quaisquer outras: algumas trabalham, outras são donas de casa, criam filhos, têm netos.

“A gente pensa que o casamento é uma instituição que protege contra a doença e nem imagina que precisa se prevenir”, diz a diretora Susanna Lira, para quem o documentário “escancara o véu de hipocrisia que cobre alguns casamentos”.

O filme ilustra um fenômeno confirmado pelo Ministério da Saúde: a feminização da Aids nos últimos dez anos, principalmente no segmento de mulheres acima dos 50 anos.

Acesse na íntegraFilme “Positivas” mostra o risco em relações estáveis (Folha de S.Paulo – 03/08/2010)

Compartilhar: