Marcha de Mulheres em Washington: resistindo a Trump

836
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

A Marcha das Mulheres em Washington é um movimento liderado por mulheres com o intuito de reunir pessoas de todos os gêneros, idades, raças, culturas, afiliações políticas e origens na capital dos EUA no dia 21 de janeiro de 2017 para reafirmar nossa humanidade comum e pronunciar nossa mensagem ousada de resistência e autodeterminação.

(http://sxpolitics.org/ – Acesse o site de origem)

Reconhecendo que as mulheres têm identidades interseccionais e múltiplas e, portanto, são impactadas por um grande número de questões relativas à justiça social e aos direitos humanos, delineamos uma visão representativa para um governo que se baseia nos princípios de liberdade e justiça para todos/as. Como disse o Dr. M.L King:

“Nossa liberação depende de cada uma de nós. A Marcha das Mulheres em Washington inclui líderes de organizações e comunidades que vêm construindo a base para o progresso social por muitas gerações. Nós acolhemos e agradecemos a vibrante colaboração e honramos o legado dos movimentos anteriores a nós – sufragistas e abolicionistas, o Movimento dos Direitos Civis, o movimento feminista, o Movimento Indígena Americano, Ocupa Wall Street, o movimento pelo Matrimônio Igualitário, o movimento Vidas Negras Importam (Black Lives Matter) e muito outros – e, assim, criamos uma estrutura descentralizada de liderança e definimos como foco uma agenda ambiciosa, fundamental e abrangente”.

#PORQUEMARCHAMOS

Nós somos hoje empoderadas por que, antes nós, líderes revolucionárias abriram o caminho para que possamos marchar e reconhecer todas que, no mundo inteiro, lutam por nossas liberdades. Honramos essas mulheres e tantas outras. São elas: #PORQUEMARCHAMOS.

Compartilhar: