FNDC debate discurso de ódio, regulação e democracia na mídia

778
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(FNDC, 24/11/2015) Atividade antecede reunião ampliada do Conselho Deliberativo do Fórum, em São Paulo, nesta sexta (27/11), na Sede do Barão de Itararé, às 19h, e será aberta ao público

O Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC) promove, nesta terça (27/11), às 19hs, o debate “Discurso de ódio, regulação e democracia na mídia: como enfrentar o conservadorismo e as violações de direitos humanos nos meios de comunicação”. A atividade abrirá a reunião ampliada do Conselho Deliberativo da entidade, que se reúne no sábado (28/11), e será realizada na sede do Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé, em São Paulo.

O debate, que será aberto ao público sem necessidade de inscrição prévia, contará com a participação da comunicadora social Nilza Iraci, diretora do Geledés Instituto da Mulher Negra; do advogado Paulo Mariante, presidente do Conselho de Direitos Humanos de Campinas-SP e coordenador de direitos humanos do grupo Identidade; Bruna Provazi, militante feminista e organizadora da Marcha Mundial das Mulheres; e Camila Lanes, presidenta da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES).

Serviço

Debate “Discurso de ódio, regulação e democracia na mídia: como enfrentar o conservadorismo e as violações de direitos humanos nos meios de comunicação”

Local: sede do Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé
Endereço: Rua Rêgo Freitas, 454Cj. 83 – República
Hora: 19h
Página no Facebook: https://www.facebook.com/events/723096501124302/

Acesse no site de origem: FNDC debate discurso de ódio, regulação e democracia na mídia (FNDC, 24/11/2015)

Compartilhar: