Nota pública: ONU Mulheres saúda governo brasileiro pela criação do Ministério das Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos

599
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(ONU Mulheres, 06/10/2015) O novo Ministério das Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos tem importância fundamental e contribuirá estrategicamente para posicionar com renovada energia os temas de direitos humanos, especificamente, os direitos humanos das mulheres e da população negra, na agenda pública nacional e internacional.

A ONU Mulheres reitera sua confiança na prioridade que vem sendo atribuída pelo Brasil à formulação e implementação de políticas públicas de promoção da igualdade e da equidade entre todos os cidadãos e cidadãs, bem como na continuidade dos esforços e conquistas recentes nesta área. A realização da Marcha das Mulheres Negras, que acontecerá no próximo mês de novembro, expressará de forma eloquente a acolhida aos propósitos de empoderamento das mulheres negras brasileiras.

No momento em que Chefes de Estado do mundo todo acabam de aprovar, na Assembleia Geral das Nações Unidas, a Agenda de Desenvolvimento 2030 e os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis, e no marco da Década Internacional de Afrodescendentes, o Ministério das Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos é a instituição que fará a diferença para que em 2030, ou antes, seja uma realidade no Brasil a meta Planeta 50-50 da plena paridade de direitos entre mulheres e homens.

Nadine Gasman
Representante da ONU Mulheres Brasil

Acesse no site de origem: Nota pública: ONU Mulheres saúda governo brasileiro pela criação do Ministério das Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos (ONU Mulheres, 06/10/2015)

Compartilhar: