Rede de mulheres negras cria campanha para incentivar os estudos de jovens periféricas

Compartilhar:
image_pdfPDF

Com o objetivo de espalhar as sementes do fortalecimento das mulheres, o CIRULADÔ DE OYÁ visa criar uma rede de fortalecimento que capacite, empodere para o fortalecimento da atuação política social das mulheres negras estudantes dos cursinhos comunitários da Uneafro Brasil, nas comunidades, nas relações sociais e também tornar possível o ingresso no ensino superior.

(Carta Capital, 05/09/2018 – acesse no site de origem)

Para transformar as vidas de 690 coordenadoras e estudantes de 24 núcleos de Educação Popular da Uneafro Brasil, o grupo está arrecadando doações por meio desta plataforma.

Confira o vídeo da campanha.

Por Douglas Belchior

Compartilhar: