Menos da metade das negras com filhos pequenos consegue trabalhar, diz IBGE

156
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

Para homens, sejam brancos ou negros, ricos ou pobres, ter criança em casa não faz diferença

(Folha de S.Paulo | 04/03/2021 | Por Fernanda Brigatti)

A histórica desigualdade de inserção das mulheres no mercado de trabalho é maior nos domicílios com crianças de até três anos de idade. Mães com filhos nessa faixa etária participam menos do mercado de trabalho, segundo a pesquisa Estatísticas de Gênero divulgada nesta quinta-feira (4) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

O nível de ocupação (o percentual de pessoas trabalhando em relação às que estão em idade de trabalhar) de mulheres que se identificam como pretas ou pardas com crianças até três anos de idade foi de 49,7% em 2019. Entre mulheres brancas, o percentual ficou em 62,6%.

Para os homens, em média, filhos pequenos reduzem de 75% para 71% o nível de ocupação. Se esse homem for branco, porém, o nível de ocupação sobe para 93%.

Acesse a matéria completa no site de origem.

Compartilhar: