Programa de qualificação profissional do MEC irá integrar a Rede Brasil Mulher

860
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

Na tarde dessa quinta-feira (1º), a Secretária Especial de Políticas para as Mulheres da Presidência da República, Fátima Pelaes, e a Secretária de Educação Profissional e Tecnológica, do Ministério da Educação (SETEC), Eline Neves Braga Nascimento, estiveram reunidas para discutir a participação do programa de qualificação profissional do Ministério da Educação na Rede Brasil Mulher.

(Portal SPM, 01/06/2017 – Acesse o site de origem)

O conhecimento e a qualificação profissional como agente de transformação social para mulheres em situação de vulnerabilidade. Esse é o objetivo do programa desenvolvido SETEC.

“Estamos articulando junto a vários parceiros, somando esforços, para fazer uma grande transformação social por meio de políticas e ações concretas para as mulheres. Essa iniciativa do MEC, somada a outras ações do Governo Federal, irão ganhar mais força”, sustentou a secretária Fátima Pelaes.

A coordenadora-geral da SETEC, Jussara Maysa Silva Campos, explicou que em 2017 cerca de 7.730 mulheres devem ser beneficiadas no programa por meio de parcerias com as secretarias estaduais.

Uma nova ação do programa é a qualificação de mulheres egressas do sistema prisional. Dois projetos pilotos estão sendo desenvolvidos, em Brasília e no Piauí, sendo ofertados cursos, como: técnico em enfermagem e designer de modas.

“Além de ensinar uma profissão, garantindo a autonomia econômica e muitas vezes quebrando o ciclo da violência, são oferecidas aulas sobre formação cidadã, direitos e saúde da mulher e conhecimentos estratégicos para o empoderamento dessas mulheres”, explicou a coordenadora Jussara.

Em junho será realizada em Brasília a 1ª Oficina Técnica do Rede Brasil Mulher. Deverão participar representantes de todos os parceiros.

Compartilhar: