Indígenas do Jaraguá, em SP, são vítimas de casos de estupro. MPF pede policiamento

635
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Rede Brasil Atual, 17/10/2015) Investigações do Ministério Público Federal iniciadas em abril de 2013 revelaram que crianças, adolescentes e mulheres indígenas das aldeias Guarani do Jaraguá, na zona oeste de São Paulo, foram vítimas de uma série de casos de abuso sexual e estupro, agravados pelo elevado consumo de drogas e álcool nas aldeias. A partir da constatação, o MPF entrou na quinta-feira (15) com uma ação civil exigindo que a Polícia Militar faça um patrulhamento mais ostensivo da área e crie uma ferramenta para que as vítimas possam denunciar os crimes de forma rápida, segura e sigilosa.

Leia mais: MPF cobra policiamento em aldeias de SP contra violência sexual (Radioagência Nacional, 16/10/2015)

Acesse a íntegra no Portal Compromisso e Atitude: Indígenas do Jaraguá, em SP, são vítimas de casos de estupro. MPF pede policiamento (Rede Brasil Atual, 17/10/2015)

Compartilhar: