Procuradoria Especial da Mulher aborda em seminário o feminicídio como violência política

570
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

O assassinato de nove mulheres numa festa em Campinas, estado de São Paulo, durante o réveillon, levou a Procuradoria Especial da Mulher do Senado a dedicar a 38º edição da Pauta Feminina para abordar “O Feminicídio como Violência Política”. A audiência pública será realizada nesta 5ª feira, 16 de fevereiro, às 10h, no Plenário 6, Ala Nilo Coelho, do Senado.

(Agência Senado, 15/02/2017 – acesse no site de origem)

Em 31 de dezembro de 2016, o técnico de laboratório Sidnei Ramis de Araújo invadiu a festa de réveillon da família de sua ex-esposa, matou doze pessoas, incluindo o filho, e se suicidou. Segundo a Procuradoria Especial da Mulher, a carta deixada pelo assassino documenta como “o conservadorismo político e o tradicionalismo comportamental caminham juntos na direção de produzir uma violência que tem a mulher como alvo crescente e preferencial”.

Ainda de acordo com a Procuradoria, a tragédia de Campinas remete a um caso semelhante ocorrido em 1991, em Montreal, no Canadá, quando 14 mulheres estudantes de engenharia foram assassinadas. O caso levou a data de 6 de dezembro se tornar o marco do Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência Contra as Mulheres.

Debaterão o tema: Lourdes Bandeira, professora titular do Departamento de Sociologia da Universidade de Brasília (UnB), Joelma Rodrigues da Silva, doutora em História e coordenadora da Questão Negra da Diretoria da Diversidade da UnB, Clara Flores Seixas de Oliveira, pesquisadora do Laboratório de Estudos em Segurança Pública, Cidadania e Solidariedade (Lassos) e mestranda do Ciências Sociais da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Lúcia Bessa, Subsecretária de Políticas para as Mulheres do Governo de Brasília e Véronique Durand,  doutora em Antropologia e autora do livro Órfãs de esperança – Violências contra a Mulher – Alguns Relatos no Mundo.

O evento é aberto ao público e tem transmissão digital via E-Cidadania.

Compartilhar: