Organizações de 39 países debatem ações contra o assédio sexual nas ruas

788
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Marie Claire, 20/04/2015) Em foco, estão leis e campanhas de esclarecimento que combatam um tipo de violência sexual quase invisível de tão naturalizada.  “Este tipo de violência em geral é pouco denunciada por muitas razões, que vão desde o medo de não ser levada a sério até a vergonha e a crença de que [a vítima] pode ter provocado o comportamento”, diz Holly Kearl, fundadora da Stop Street Harassment, ONG americana responsável pelo evento. O Brasil participa pela primeira vez da mobilização com ações promovidas pela campanha Chega de Fiu Fiu, do “think tank” Think Olga. Em 2013, o grupo publicou uma pesquisa com 7.762 mulheres que revelou que 99% disseram já ter sofrido algum tipo de assédio, enquanto 81% informaram ter deixado de frequentar algum lugar por medo das cantadas.

Acesse a íntegra no Portal Compromisso e Atitude: Organizações de 39 países debatem ações contra o assédio sexual nas ruas (Marie Claire, 20/04/2015)

Compartilhar: