PF investigou 374 casos de tráfico de pessoas para exploração sexual desde 2010

609
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(CNJ, 30/03/2015) No Brasil, a atuação de grupos criminosos levou a Polícia Federal a abrir, de janeiro de 2010 a março deste ano, 374 inquéritos para investigar o tráfico doméstico e internacional de pessoas para fins de exploração sexual, sendo que 35 deles foram instaurados neste ano. Os interessados em participar do evento podem se inscrever até o dia 8 de abril por meio do Portal CNJ. O combate ao tráfico de pessoas está nas agendas de governos e agências internacionais de todo o mundo. Segundo as Nações Unidas, 80% das vítimas são exploradas como escravas sexuais. O tráfico também está relacionado à doação involuntária de órgãos, casamentos forçados, servidão doméstica, mendicância forçada, trabalho escravo e imigração ilegal.

Acesse a íntegra no Portal Compromisso e Atitude: PF investigou 374 casos de tráfico de pessoas para exploração sexual desde 2010 (CNJ, 30/03/2015)

Compartilhar: