O dia de horror racista que Leslie Jones, de ‘Caça-Fantasmas’, viveu no Twitter

648
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Brasil Post, 19/07/2016) A atriz Leslie Jones, que interpreta Patty Tolan na nova versão de Caça-Fantasmas deveria estar comemorando o sucesso do longa – que estreou na semana passada sob elogios da crítica e dos fãs do filme original.

Deveria, mas não está.

Depois de emocionar o mundo ao falar sobre representatividade negra na mídia, em uma declaração emocionada à Whoopi Goldberg, Leslie enfrentou um começo de semana cruel. Muito cruel.

Ela que também é comediante do programa Saturday Night Live passou a última segunda-feira (18) longe do humor e mais próxima da dor, em uma briga contra racistas no Twitter.

Ao longo do dia, ela foi bombardeada por insultos de diferentes usuários do microblog, que enviaram mensagens, fotos e montagens com a sua figura.

“Ok, eu já fui chamada de macaco, recebi fotos de bundas e até uma imagem com esperma no meu rosto. Estou tentando descobrir o que é o ser humano. Desisto”
Num primeiro momento, a atriz decidiu bloquear os usuários que a atacavam. Em seguida, decidiu retuitar as ofensas, como forma de denúncia, pedindo ajuda aos seguidores.

“Vou parar de bloquear, então todos vocês poderão vir na minha ‘timeline’ e ver tudo por vocês mesmos. Vocês não vão acreditar como são maus. É assustador”

“Espero que vocês vão atrás deles da mesma forma como eles tão vindo para cima de mim”

Veja alguns tweets racistas compartilhados pela atriz:

Depois de inúmeras mensagens racistas compartilhadas, Leslie passou a receber apoio dos fãs por meio da hashtag #loveforlesliej (Amor para Leslie J, em português).

Usando a hashtag, o diretor do filme, Paul Feig, saiu em defesa da atriz:

“Leslie Jones é uma dos melhores pessoas que eu conheço. Qualquer ataque pessoal contra ela é um ataque contra todos nós.”

Algumas celebridades também expressaram apoio à Leslie

Depois de retuitar algumas mensagens de apoio, Leslie pediu ao Twitter que tomasse alguma medida em relação aos usuários racistas:

“Eu entendo que você tem a liberdade de expressão. Mas tem que haver algumas diretrizes quando você propaga o ódio assim.”

Em seguida, o chefe executivo da companhia, Jack Dorsey, se pronunciou, pedindo que Jones envie uma mensagem direta a ele.

Ao longo do dia, a atriz fez vários desabafos, inconformada com os ataques recebidos. No final do dia se despediu dos seguidores com a seguinte mensagem:

“Eu estou saindo do Twitter hoje com lágrimas nos olhos e um coração muito triste. Tudo isso porque eu fiz um filme. Você pode ter odiado o filme, mas a merda que passei hoje é simplesmente… errada.”

Acesse no site de origem:  O dia de horror racista que Leslie Jones, de ‘Caça-Fantasmas’, viveu no Twitter (Brasil Post, 19/07/2016)

Compartilhar: