Secretaria da Presidência repudia ‘ranking’ sexual e questionará USP

771
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(G1, 19/06/2015) Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República repudiou o cartaz que listou intimidades sexuais de estudantes da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq), campus da USP em Piracicaba (SP). Em nota oficial, o órgão federal informou que o “ranking”, que usa termos de baixo calão e identifica alunas da universidade por apelidos, reforça o “preconceito e a discriminação contra mulheres no Brasil”. A pasta vai acompanhar a apuração do caso e também questionará a instituição.

Leia mais:
‘Machismo não é um problema só da Esalq’, afirma estudante (O Estado de S. Paulo, 22/06/2015)
Nota de repúdio da SPM sobre ‘ranking sexual’ da Esalq (SPM, 19/06/2015)

Acesse a íntegra no Portal Compromisso e Atitude: Secretaria da Presidência repudia ‘ranking’ sexual e questionará USP (G1, 19/06/2015)

Compartilhar: