Empresárias e empreendedoras debatem, em São Paulo, contribuição das mulheres para a economia

964
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(ONU Mulheres, 26/05/2014) Grandes eventos, estratégias de negócios e fortalecimento da economia. Com esses enfoques, o Women’s Forum Brazil 2014 abordará o papel das mulheres como influentes agentes de transformação social e econômica, tendo como tema central “Criando uma Economia Próspera para Todos”. O encontro ocorre, nos dias 26 e 27 de maio, em São Paulo, para um público de 500 líderes de todas as regiões do Brasil e de países da América do Sul.

Em sua terceira edição, o evento apresentará oficinas práticas sobre talento, liderança e estratégias de finanças e negócios, adaptadas especificamente para os interesses dos participantes de grandes corporações, líderes de pequenas e médias empresas e mulheres empreendedoras.

Uma das expositoras convidadas é Ana Carolina Querino, gerente de Programas da ONU Mulheres Brasil. Ela destacará o processo de mobilização Pequim + 20, lançado na semana passada pela ONU Mulheres para estimular o debate mundial sobre Empoderar Mulheres. Empoderar a Humanidade. Imagine!. Um dos eixos prioritários do Plano de Ação de Pequim, definido em 1995, é a mulher e a economia.

“Há uma dimensão histórica sobre a maneira como as mulheres fazem uso do seu tempo em relação aos homens. Em geral, elas acumulam um somatório de horas elevado entre o trabalho produtivo e o trabalho reprodutivo. Entre as mulheres, essas diferenças têm significados distintos para brancas e negras. Por exemplo, a cadeia de cuidados e não ter a quem recorrer para aliviar essa carga implica o deslocamento das mulheres para atividades informais, nas quais elas conseguem o tempo necessário para se dividir com os cuidados”, explica Querino.

De acordo com o Retrato das Desigualdades de Gênero e Raça, em 2009, os homens trabalhavam 47,7 horas por semana, incluindo as tarefas domésticas, enquanto as mulheres aportavam 53,3 horas no trabalho produtivo e reprodutivo.

Influência na economia – No Women’s Forum Brasil de 2014, haverá ainda o retorno da Rising Talents Initiative, que reconhece jovens mulheres de muito talento e que estão se tornando agentes influentes na economia e na sociedade brasileira. Além disso, será realizada a segunda edição do CEO Champions Brazil, grupo de líderes empresariais lançado em junho do ano passado para promover as mulheres no mercado de trabalho.

“Queremos que o Women’s Forum Brasil de 2014 apresente as mulheres como agentes de capacitação, usando seus talentos e engajamento para impulsionar a economia, promover o empreendedorismo e a inovação e expandir o terreno para a mobilidade social”, explica Véronique Morali, presidente do Women’s Forum for the Economy and Society. “Estamos misturando líderes femininas de todas as regiões do Brasil, além de perfis de outros países da América do Sul, na expectativa de que isso crie experiências e proporcione aprendizados de valores inestimáveis”, conclui.

A edição de 2014 terá oficinas para empreendedores sobre “Como manter o foco e sobreviver à pressão” e “Marketing e divulgação”, direcionadas para líderes de pequenas e médias empresas, além de outras formas de aconselhamento e consultoria. Haverá também as oficinas para executivos de empresas “Incentivo a talentos” e “Identificação de sinais de fraqueza e tendências”.

Women’s Forum Brazil 2014, com o tema “Criando uma Economia Próspera para Todos”

Data: 26 e 27 de maio de 2014
Local: Grand Hyatt Hotel São Paulo (av. das Nações Unidas, 13301) – São Paulo/SP
Mais informações: www.womens-forum.com

Acesse o site de origem: Empresárias e empreendedoras debatem, em São Paulo, contribuição das mulheres para a economia

 

 

Compartilhar: