Rodas de Diálogo integram o Seminário Nacional Mulher e Cultura – Salvador, 28 a 31/10

1010
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

Além das cinco Mesas de Debate, com temáticas diversas, mulheres de diversos estados brasileiros que se inscreveram para o Seminário Nacional Mulher e Cultura, a ser realizado em Salvador de 28 a 31 de outubro, também poderão participar das Rodas de Diálogos que acontecerão no último dia do evento (31).

A partir da troca de experiência e discussões sobre temáticas que envolvem a atuação das mulheres na cultura, as Rodas de Diálogos  â€‹tem como objetivo aprofundar assuntos específicos, como â€‹iniciativas femininas nas artes contemporâneas; relatos de feminismos, sexualidades e experiências feministas na cultura e saberes tradicionais .As Rodas acontecerão no dia 31 de outubro (sexta-feira), a partir das 14h, no 3° andar da Biblioteca Pública do Estado da Bahia (Barris).

Será realizada no dia 31 de outubro, durante o Seminário Nacional Mulher e Cultura, a Roda de Diálogo “Mulheres nas Artes Contemporâneas”, que vai discutir temas como a trajetória e a influência da mulher nas produções artísticas, a construção da identidade feminina, entre outros temas que envolve as questões de gênero e as novas orientações artísticas.

Na oportunidade, serão apresentadas vivências e troca de experiências com grupos de artesãs da comunidade quilombola de Conceição das Crioulas e do grupo que compõe a Campanha da Coleta Seletiva de PET e Latinha – Camapet.

Para enriquecer a discussão, foi convidada a ilustradora, psicóloga, editora e bordadeira, Flávia Bonfim, responsáveis por projetos autorais e educativos que transitam entre a gravura, a fotografia e o bordado.

Participa ainda, Michele Almeida da Silva, jovem artista, moradora do bairro do Lobato, subúrbio ferroviário de Salvador, que confecciona bijuterias com garrafas pets e alumínio, entre outros objetos de decoração, além de Dona Lourdinha, do grupo de artesãs da comunidade quilombola de Conceição das Crioulas.

Aprofundar o debate sobre práticas excludentes e reprodutoras de estereótipos sobre a mulher, além de discutir estratégias de comunicação que integram ações feministas na mídia. Estes são alguns dos pontos de abordagem da Roda de Diálogo “Ações Feministas nas Comunicações”, que acontece no dia 31 de outubro, a partir das 14h, durante o Seminário Nacional Mulher Cultura, em Salvador.

Na ocasião, pretende-se ainda potencializar as discussões sobre o avanço da participação da mulher em variados veículos de comunicação e a formação da mídia no campo do gênero e relações raciais.

Entre as convidadas, estão a comunicadora social, presidente e coordenadora de comunicação do Instituto da Mulher Negra – Geledés, Nilza Iraci e Vanessa Lopes do grupo Elo Hip Hop, de Vitória da Conquista, Bahia.

Compartilhar: