Dia Internacional da Parteira celebra trabalho que salva vidas

807
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Rádio ONU, 05/05/2016) Data é comemorada nesta quinta-feira, 5 de maio; segundo o chefe do Fundo de População da ONU, Unfpa, todos os dias cerca de 800 mulheres morrem de complicações na gravidez e no parto.

Para o Fundo de População das Nações Unidas, Unfpa, o Dia Internacional da Parteira, nesta quinta-feira, 5 de maio, é uma data para celebrar este trabalho que salva vidas.

Parteiras oferecem cuidados primários para milhões de mulheres e recém-nascidos, antes, durante e após o parto. Elas também oferecem aconselhamento sobre planejamento familiar e saúde reprodutiva.

Salvar Vidas

Parteiras treinadas salvam vidas e, segundo o Unfpa, em maiores números poderiam evitar aproximadamente dois terços das 300 mil mortes maternas e 3 milhões de óbitos de bebês antes de completar em quatro semanas que ocorrem a cada ano.

No entanto, os 73 países que representam 96% destas mortes maternas têm apenas 42% dos médicos, enfermeiros e parteiras do mundo.

Coração

O tema do Dia Internacional da Parteira este ano é “mulheres e recém-nascidos: o coração da profissão de parteira”, em tradução livre.

Segundo o diretor-executivo do Unfpa, Babatunde Osotimehin, “cerca de 800 mulheres continuam a morrer todos os dias de complicações na gravidez e no parto”.

Em mensagem sobre a data, ele afirmou que a agência está ajudando a treinar e apoiar milhares de parteiras em mais de 100 países.

Osotimehin citou cálculos de um estudo recente de que, em 57 destes países, o Unfpa treinou 66 mil parteiras nos últimos 70 anos.

Para o chefe da agência da ONU, estes prestadores essenciais de cuidados de saúde podem ajudar mais de 11 milhões de mulheres a dar à luz de forma segura, mas “muito mais precisa ser feito”.

*Apresentação: Michelle Alves de Lima.

Laura Gelbert

Acesse no site de origem: Dia Internacional da Parteira celebra trabalho que salva vidas (ONU Brasil, 05/05/2016)

Compartilhar: