Lacen já realiza exame que detecta zika vírus

589
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Gazeta de Alagoas, 05/07/2016) Avanço. Alagoas recebeu 3 mil kits para análise de casos suspeitos.

Os profissionais do Laboratório Central de Saúde Pública de Alagoas (Lacen/AL) já estão fazendo os exames que detectam a dengue, zika e chikungunya. Desde dezembro do ano passado que eles, junto com outros servidores da Saúde, estão recebendo treinamento para utilizar os kits de biologia molecular e sorologia distribuídos pelo Ministério da Saúde.

“Recebemos 3 mil kits e já demos início ao trabalho”, revelou, ontem, o gerente geral do Lacen/AL, biólogo Magliones Carneiro de Lima. Um dos primeiros benefícios do trabalho do Lacen é evitar que os exames de Alagoas continuem sendo enviados para o Instituto Evandro Chagas, no estado do Pará, onde era feito o diagnóstico.

Como referência nacional, aquele instituto recebe demanda de todo País, o que explica o atraso na emissão de resultados. Tanto que exames enviados de Alagoas entre janeiro e fevereiro últimos ainda não estão prontos.

Agora, o prazo de diagnóstico será em média de quatro dias. Mas isso não significa que o Lacen estará disponível para fazer exames de todos os casos suspeitos de zika ou chikungunya, atualmente as maiores preocupações da saúde pública em Alagoas e no País.

Acesse o site de origem: Lacen já realiza exame que detecta zika vírus (Gazeta de Alagoas, 05/07/2016) 

 

 

Compartilhar: