03/04/2011 – Igreja transfere padre que defende uso da camisinha (Folha)

499
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Folha de S.Paulo) O padre Valeriano Paitoni, 61, ganhou notoriedade em 2000 por se posicionar a favor do uso do preservativo como forma de combater a disseminação do vírus da Aids – o que se opõe às orientações do Vaticano. O padre está sendo obrigado a voltar a Itália por seus superiores.

A transferência afetará diretamente três abrigos para crianças e jovens contaminados com o vírus HIV organizados pelo padre Paitoni, que faz parte da Paróquia Nossa Senhora de Fátima do Imirim. A comunidade reagiu negativamente à transferência; no entanto, o Instituto Missões Consolata no Brasil, responsável pela transferência do religioso, manteve a decisão.

A Arquidiocese de São Paulo, dona dos imóveis da paróquia e de um dos abrigos, a Casa Siloé, anunciou que o projeto deverá deixar o local. Segundo os fiéis, o posicionamento da arquidiocese seria uma espécie de retaliação da instituição.

A arquidocese de São Paulo, foi procurada pela reportagem; no entanto, a Cúria não havia respondido até o fechamento da edição sobre o pedido de saída da Casa Siloé do imóvel.

Leia a reportagem completa: Igreja transfere padre que defende uso da camisinha (Folha de S.Paulo – 03/04/2011)

Compartilhar: