Enquanto o número de infecções por HIV cai na população em geral, os casos aumentam entre jovens e mulheres com mais de 50 anos. O que elas têm em comum?

Compartilhar:
image_pdfPDF

pautaids_miniMais dificuldade para negociar o uso do preservativo com seus parceiros, dizem os especialistas. O que faz parte dessa negociação? A prevenção é tema de conversa? As garotas conversam com seus parceiros sobre o uso da camisinha? Qual é a reação deles? A dificuldade está em manifestar claramente que quer ter uma relação protegida?

As jovens preocupam-se menos com o risco de infecção do que com o de gravidez, que nem sempre é indesejada?

No caso das mulheres com mais de 50 anos, a eliminação do risco de gravidez, com o fim do período reprodutivo, contribui para que elas não se preocupem em manter relações sexuais seguras? Muitas delas são infectadas pelos próprios maridos. (Para saber mais, acesse informações sobre o documentário Positivas)

Acesse essa matéria em pdf: Portal G1 – 26/11/09

Leia também:

24/11/09 – Desigualdade de gênero e violência deixam mulheres no topo de infectados por HIV, diz ministra

25 a 27/11/09 – Aids cresce em meninas de 13 a 19 anos, próximo alvo da campanha de prevenção

26/11/09 – Casos de Aids em mulheres com mais de 50 anos quase dobra em 10 anos

Indicação de fontes:

Albertina Duarte – médica ginecologista e coordenadora do Programa Saúde do Adolescente
Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo
(11) 3066-8464 / 3066-8644
[email protected] / [email protected]
Fala sobre: saúde sexual e reprodutiva dos adolescentes

Cristina Pimenta – psicóloga e coordenadora da ABIA
Abia – Associação Brasileira Interdisciplinar de Aids
Rio de Janeiro/RJ
(21) 2223-1040
[email protected]
Fala sobre: direitos dos/as soropositivos; políticas para prevenção e tratamento

Mafoane Odara Poli Santos – psicóloga e pesquisadora do Nepaids
Núcleo de Estudos para a Prevenção da Aids (Nepaids) do Instituto de Psicologia da USP
São Paulo/SP
(11) 3061-0620
Fala sobre: juventude e sexualidade

Silvia Almeida – ativista
GIV – Grupo de Incentivo à Vida e MNCP – Movimento Nacional das Cidadãs PositHIVas
São Paulo/SP
(11) 5084-0255 (GIV)
[email protected]
Fala sobre: soropositividade, a relação das mulheres com a prevenção

Vera Paiva – psicóloga e pesquisadora do Nepaids
Núcleo de Estudos para a Prevenção da Aids (Nepaids) do Instituto de Psicologia da USP
São Paulo/SP
(11) 3091-4184
Fala sobre: sexualidade; prevenção; atenção psicossocial; transmissão vertical

Wilza Villela – médica e pesquisadora da Unifesp
Departamento de Medicina Preventiva da Faculdade de Medicina da Unifesp
São Paulo/SP
(11) 5572-0609
[email protected]
Fala sobre: políticas de Aids; vulnerabilidade das mulheres ao HIV; transmissão vertical

Compartilhar: