Reino Unido pede a grávidas que adiem viagens à Flórida por zika

Compartilhar:
image_pdfPDF

(GP1, 01/08/2016) Após quatro possíveis casos de transmissão de zika por mosquito serem registradas na Flórida, o Departamento de Saúde Pública do Reino Unido pediu às mulheres grávidas que considerem adiar qualquer viagem programada ao estado para evitar contaminação.

Apesar de vários casos de zika já serem diagnosticados nos Estados Unidos (EUA), a Flórida foi o primeiro estado do país a não contrair o vírus por contato sexual, mas por picadas de mosquitos Aedes aegypti.

De acordo com o G1, o Departamento de Saúde Pública do país recomendou que as medidas cautelares sejam cumpridas o quanto antes, pois  “as mulheres grávidas deveriam considerar adiar as viagens não essenciais às regiões afetadas até depois da gravidez”.

Acesso no site de origem: Reino Unido pede a grávidas que adiem viagens à Flórida por zika (GP1, 01/08/2016)

Compartilhar: