Fundo de População da ONU lança edital de apoio a projetos da sociedade civil

Compartilhar:
image_pdfPDF

Serão aceitas propostas que contemplem ao menos um dos cinco temas indicados: saúde sexual e reprodutiva; população e desenvolvimento; comunicação para a defesa dos direitos humanos; juventude e gênero e raça.  Prazo para envio é 09/11 e os projetos poderão receber investimento de até 56 mil reais.

O Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) lança, nesta terça-feira (27/10), o Primeiro Edital “Nas Trilhas de Cairo” de apoio a projetos da sociedade civil para o fortalecimento de capacidades institucionais das organizações proponentes em temas e ações correlatas ao mandato do UNFPA no Brasil. As inscrições vão até o dia 09/11 e serão destinados até R$ 56 mil  para cada organização da sociedade civil apoiada, pelo período de 11 meses.

A expectativa é contemplar ao menos uma organização por macrorregião do país e o UNFPA não descarta a possibilidade de aplicação de novos recursos. As propostas devem contemplar ao menos um dos cinco temas indicados e ao menos uma das três linhas de apoio preestabelecidas.

Os temas têm estreita relação com o mandato do UNFPA para o Brasil e são fundamentais para o alcance dos objetivos propostos nas metas de desenvolvimento sustentável da Agenda 2030, nos compromissos firmados durante a Conferência Internacional Sobre População e Desenvolvimento (Cairo, 1994) e a celebração dos 25 anos desse marco, Nairobi Summit (2019). São eles: saúde sexual e reprodutiva; população e desenvolvimento; comunicação para a defesa dos direitos humanos; juventude e gênero e raça.

As linhas de apoio contemplarão projetos de fortalecimento de capacidade comunicacional, de advocacy e para ampliação e aprimoramento de processos de gestão. Isso significa que projetos que contemplam ações de assessoria de imprensa, planos de comunicação, estratégias de advocacy, monitoramento de políticas públicas e ou de planejamento estratégico, entre outros, são elegíveis.

Saiba mais clicando aqui. 

Compartilhar: