Ministério Público de SP reedita campanha contra intolerância

1079
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Folha de S. Paulo, 05/04/2016) O Ministério Público do Estado de São Paulo lança, na quinta-feira (7), a segunda parte da campanha “Quem se dá bem com gente se dá bem na vida”.

A ação, realizada em parceria com a agência de publicidade VML, pretende alertar especificamente jovens e crianças para o problema da intolerância e do preconceito.

Iniciada em setembro de 2015, a campanha já distribuiu 20 mil folhetos sobre o tema para alunos de escolas municipais da cidade.

Neste ano, ela será retomada com uma cartilha ilustrada que usa a Declaração Universal dos Direitos Humanos e a própria Constituição do país para explicar as formas mais comuns de intolerância e suas principais consequências –como o surgimento de conflitos e ódio direcionado a grupos sociais marginalizados.

A nova cartilha descreve, didaticamente, as características de 12 tipos de intolerância: racial, sexual, religiosa, de gênero, social, política, esportiva e etária, além de xenofobia, discriminação de pessoa com deficiência, discriminação na internet e bullying.

A cartilha aponta ainda o diálogo e a denúncia como as melhores maneiras de combater situações de intolerância e discriminação.

O lançamento da nova publicação, que será disponibilizada no site do Ministério Público paulista, será acompanhada por um videoclipe protagonizado pela cantora e drag queen Deena Love, ex-participante do “The Voice Brasil” (TV Globo).

Capa da cartilha tolerância

Acesse o PDF: Ministério Público de SP reedita campanha contra intolerância (Folha de S. Paulo, 05/04/2016)

Compartilhar: