Brasil ocupa posição vergonhosa de participação feminina na política, afirma Marco Aurélio

617
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Agência Senado, 07/03/2016) Na terça-feira, dia 8 de março, quando se comemora o Dia Internacional da Mulher, será realizada sessão solene do Congresso Nacional, a partir das 11h, para celebrar a data e para a entrega do Diploma Bertha Lutz. Este ano, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello será o primeiro homem a receber a premiação, concedida pelo Senado. Ele se destacou por ter lançado a campanha publicitária Mais Mulheres na Política, quando presidiu o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Segundo Marco Aurélio, no Brasil, embora as mulheres sejam maioria da população, a participação feminina em cargos eletivos é de 12%. “O Brasil tem posição vergonhosa no ranking mundial, ficando atrás de países mulçumanos”, afirmou. Ouça a entrevista do ministro à jornalista Adriana Carla Aragão, da Rádio Senado.

Ouça o áudio da matéria aqui: Brasil ocupa posição vergonhosa de participação feminina na política, afirma Marco Aurélio

Acesse no site de origem: Brasil ocupa posição vergonhosa de participação feminina na política, afirma Marco Aurélio (Agência Senado, 07/03/2016)

Compartilhar: