Mulheres e negros seguem sendo minorias nas secretarias das prefeituras

124
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

Tema protagonizou eleição de novembro, mas prefeitos eleitos nomearam equipes que repetem falta de diversidade de gestões anteriores

(Celina/O Globo | 19/01/2021 | Por Dimitrius Dantas)

A falta de diversidade em nomeações de cargos ainda desequilibra o primeiro escalão das gestões municipais brasileiras, ainda que o debate sobre esse tema tenha avançado durante a última eleição. Em diferentes cidades, candidatos sinalizaram no ano passado a intenção de buscar uma paridade de cor e gênero em seus secretariados. Uma vez empossados, no entanto, não reverteram as desigualdades.

A manutenção dessa realidade foi identificada por levantamento do GLOBO a respeito dos secretários e secretárias recém-nomeados nas administrações das dez capitais mais ricas do país. Os dados mostram que há pouca ou nenhuma diversidade entre eles quando observada a cor da pele: nenhuma dessas cidades destinou ao menos um quarto de suas pastas ao comando de pessoas negras ou pardas.

Acesse a matéria completa no site de origem.

Compartilhar: