A percepção das mulheres sobre os atributos dos candidatos

811
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

Acesse o artigo na íntegra: O poder do voto feminino, por Fátima Pacheco Jordão


 

(cont.)

Principais atributos de cada candidato na opinião das eleitoras

José Serra

Dilma Rousseff

Marina Silva

Experiência

Defesa dos interesses das mulheres

Defesa dos interesses das mulheres

Preparo para cuidar da Saúde

Defesa dos pobres

Defesa dos pobres

Defesa dos empresários

Combate ao desemprego

Preparo para cuidar da educação

Pesquisa Datafolha (maio/2010)

Quando eleitores e eleitoras associam atributos a cada candidato, fica mais claro o que foi demonstrado anteriormente com relação às esferas do poder político e das políticas do cotidiano. O gráfico a seguir mostra que as mulheres diferenciam Serra por qualidades executivas, ligadas à gestão de políticas que impactam o cotidiano, enquanto associam a Dilma qualidades políticas, relacionadas ao rearranjo das relações de poder e às desigualdades socioeconômicas.

Esta é uma das explicações para a diferença de intenção de voto entre homens e mulheres. Mais voltadas para o cotidiano, as eleitoras vêem em Serra qualidades executivas para a gestão de políticas públicas, como: ser mais experiente para o cargo (60%); mais preparado para cuidar da saúde (47%): e preparado para ser presidente (43%).

Já em Dilma as mulheres percebem mais atributos relacionados a mudanças de poder político, como: a defesa dos interesses das mulheres (40%) e dos pobres (32%) e o combate ao desemprego (31%).

Entre as eleitoras, os indicadores de atributos positivos relacionados a Marina Silva estão próximos da intenção de voto da candidata (12%). Destacam-se três índices entre o eleitorado feminino: a defesa dos interesses das mulheres (22%); a defesa dos pobres (19%) e o preparo para cuidar da educação (13%).

votofemininografico6

Gráfico 6 – Pesquisa Datafolha (maio/2010)

Outros destaques do artigo:
O poder do voto feminino, por Fátima Pacheco Jordão
Em 2006, as mulheres levaram as eleições para o 2º turno
Em junho de 2010, Dilma lidera entre os homens e Serra, entre as mulheres
Por que as diferenças entre eleitores e eleitoras?
Daqui para frente as campanhas precisam falar com as mulheres

Acesse o artigo na íntegra:
O poder do voto feminino, por Fátima Pacheco Jordão

Sobre a autora: Fátima Pacheco Jordão é socióloga e especialista em pesquisas de opinião. Fundadora do Instituto Patrícia Galvão, é assessora de pesquisa da TV Cultura.

Este artigo foi elaborado no contexto do Projeto Mulheres em Espaços de Poder e Decisão do Instituto Patrícia Galvão, que tem o objetivo de analisar a percepção das mulheres enquanto eleitoras, com base nos levantamentos sobre intenção de voto realizados por institutos de pesquisa de opinião.

Acesse o artigo na íntegra em pdf: O poder do voto feminino, por Fátima Pacheco Jordão

Contato com a autora:

Fátima Pacheco Jordão – socióloga
TV Cultura e Instituto Patrícia Galvão
São Paulo/SP
(11) 3826-7651 / 9423-9402 – [email protected]
Fala sobre: mídia; estratégias de comunicação; pesquisas de opinião


Indicação de fontes:

Clara Araújo – socióloga e pesquisadora
Departamento de Ciências Sociais da UERJ
Rio de Janeiro/RJ
(21) 2587-7678 – [email protected]
Fala sobre: participação das mulheres na política

José Eustáquio Diniz Alves – demógrafo e pesquisador
Professor titular do mestrado em Estudos Populacionais e Pesquisas Sociais
da Escola Nacional de Ciências Estatísticas – ENCE/IBGE
Rio de Janeiro/RJ
(21) 214246 89 / 2142-46 96 / 9966 6432 – [email protected]
Fala sobre: política, poder e a baixa representação das mulheres nos espaços de decisão; pesquisas e dados sobre essa realidade em outros países

Compartilhar: