Funcionária é estuprada em Estação República do Metrô, diz empresa

852
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(G1, 06/04/2015) A jovem de 19 anos, operadora de uma cabine de recarga de Bilhete Único da Estação República do Metrô, no Centro de São Paulo, foi estuprada na noite de quinta-feira (2), durante uma tentativa de assalto a seu posto de trabalho. A funcionária é contratada da Prodata Mobility, empresa que presta serviço de bilhetagem para o Metrô há quatro anos, e confirmou as informações. Segundo José Carlos Martinelli, diretor de contratos da Prodata, a jovem foi surpreendida por assaltantes ao encerrar o expediente, por volta das 23h30. Ela deixava a cabine, localizada na Rua do Arouche, quando um dos bandidos invadiu o local e a violentou. Ainda de acordo com Martinelli, os assaltantes destruíram as câmeras de segurança da cabine.

Leia mais: Suspeito de estuprar funcionária no Metrô é detido na Zona Leste de SP (G1, 07/04/2015)

Acesse a íntegra no Portal Compromisso e Atitude: Funcionária é estuprada em Estação República do Metrô, diz empresa (G1, 06/04/2015)

Compartilhar: