Comissão de Combate à Violência contra a Mulher aprova plano de trabalho

610
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Agência Senado, 05/07/2016) A Comissão Mista de Combate à Violência contra a Mulher aprovou, durante reunião na tarde de terça-feira (5), o plano de ações para este ano. O plano, sugerido pela deputada Luizianne Lins (PT-CE) e aprovado por unanimidade, busca consolidar o trabalho parlamentar no fortalecimento das ações fiscalizadoras do Legislativo e do combate à violência contra a mulher.

A comissão também aprovou a realização de um concurso de vídeo por celular, de curta metragem, relacionado à temática da mulher e à superação da violência. A iniciativa, também da deputada Luizianne, tem o objetivo de incentivar o protagonismo da mulher e vai selecionar três vídeos vencedores, que serão lançados em evento a ser promovido pela comissão.

– Essa ideia é uma iniciativa simples, porém de largo alcance. Vamos pedir à TV Câmara e à TV Senado para ajudar na divulgação desses vídeos – disse a deputada.

Emendas

A comissão também aprovou suas emendas ao Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLN 2/2016). A deputada Carmen Zanotto (PPS-SC), relatora das emendas, informou que foram apresentadas 27 sugestões, sendo 20 emendas de metas e prioridades e sete emendas de texto.

Carmen Zanotto lamentou o fato de as comissões poderem apresentar apenas três emendas, já que “todas são meritórias”. Ela disse que adotou como critérios, para selecionar três emendas, as políticas de promoção de igualdade, a continuidade do programa Casa da Mulher Brasileira e os programas de combate à situação de violência contra a mulher. Como não há limites para as emendas de texto, todas as sete sugestões apresentadas foram aceitas.

Acesse no site de origem: Comissão de Combate à Violência contra a Mulher aprova plano de trabalho (Agência Senado, 05/07/2016)

Compartilhar: