Parlamentares querem ajuda do Ministério da Justiça para coibir abusos em Goiás

936
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Agência Brasil, 21/04/2015) Parlamentares da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados vão procurar o Ministério da Justiça e outros órgãos federais para solicitar apoio no encaminhamento de ações e políticas públicas na cidade goiana de Cavalcante, a 300 quilômetros de Brasília. O presidente da Comissão de Direitos Humanos, deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS), teme que as denúncias apresentadas na audiência pública aumentem as ameaças à população. “Vamos atuar nesse acompanhamento para que efetivamente qualquer ameaça a qualquer pessoa que tenha participado desse evento seja considerada uma ameaça à comissão, portanto crime de responsabilidade da Polícia Federal e da Força Nacional de Segurança, caso seja necessário”, destaca Paulo Pimenta, que também espera atuação mais firme em Cavalcante da Secretaria de Direitos Humanos (SDH) e da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir).

Leia mais:
Comissão da Câmara apura violência sexual contra meninas quilombolas de Goiás (Radioagência Nacional – 20/04/2015)
Em 9 anos, 34 ações de abuso sexual em Cavalcante (O Popular – 23/04/2015)

Acesse a íntegra no Portal Compromisso e Atitude: Parlamentares querem ajuda do Ministério da Justiça para coibir abusos em Goiás (Agência Brasil, 21/04/2015)

Compartilhar: