RJ tem 266 denúncias por dia na Central 190 sobre crimes contra mulheres durante isolamento social, diz ISP

Compartilhar:
image_pdfPDF

Central 190 registrou 13 mil denúncias em menos de 50 dias. Número de ROs diminuíram por causa de restrição social. Mulher sofre ‘violência sanitária’ dos agressores, diz delegada.

(G1 Rio | 05/06/2020 | Por Matheus Rodrigues) 

O Rio de Janeiro tem em média 266 denúncias por dia à Central 190 sobre crimes contra mulher durante o período de isolamento social. Os dados foram obtidos com exclusividade pelo G1 através do Monitor da Violência contra Mulher durante a Pandemia, do Instituto de Segurança Pública do Rio (ISP-RJ). A ferramenta é inédita e foi inaugurada nesta sexta-feira (4).

Foram contabilizadas ao todo 13.065 ligações para o 190 em 49 dias – o período analisado parte do dia 13 de março, data que o governo adotou medidas restritivas, até o dia 30 de abril. O índice representa um aumento de 12% no número de violência contra as mulheres se comparado com o mesmo período no ano passado.

Acesse a matéria completa no site de origem.

Compartilhar: