Conheça Denice Santiago, a major que protege mais de 2 mil mulheres em Salvador

869
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

Denice Santiago não cogitava ser policial, mas a major abriu caminho para mulheres na PM baiana. Há três anos, está à frente da Ronda Maria da Penha, que acompanha 2 mil mulheres sob medida protetiva

A major Denice Santiago faz piada com as policiais no estacionamento da 5ª Delegacia Civil de Periperi, na periferia de Salvador. Elas usam batom, unhas vermelhas e carregam uma arma na cintura. Acompanhada de duas policiais, a major entra na viatura para visitar uma das 2,4 mil atendidas pela Ronda Maria da Penha, uma tropa da Polícia Militar da Bahia que acompanha, em 13 cidades do estado, mulheres vítimas de violência doméstica, sob medida protetiva e em situação de vulnerabilidade.

(TPM, 31/08/2018 – acesse no site de origem)

A Ronda como remédio
Em quase 30 anos de polícia, Denice fez um pouco de tudo: cuidou da segurança da Arena Fonte Nova (Salvador), incentivou policiais a apresentar recitais, transformou meninos carentes em agentes educadores de trânsito. “Falo para o comandante que ele pode me colocar para trabalhar em qualquer lugar porque sempre vou fazer um barulho.”

Leia a entrevista na íntegra

Por Bruna Bittencourt

Compartilhar: