Feministas usam os muros de Paris para protestar contra violência doméstica

Compartilhar:
image_pdfPDF

Grupo conhecido como As Coladoras desafia a ordem para criar conscientização. Ações já chegaram a outras cidades francesas, Bélgica e Itália

(O Globo | 15/09/2020 | Por Constant Méheut)

 Em uma noite recente, um grupo de quatro mulheres andava por um bairro no leste de Paris, armadas com cola, pincéis e mochilas cheias de pôsteres. Elas procuravam por superfícies onde pudesse deixar uma mensagem forte. “Este não é mal, não é?”, perguntou Astrid Tenon, toda vestida de preto, enquanto apontava para um muro de cerca de seis metros, ao leste do Marais. Sua companheira na luta, Chloé Madesta, segurando um balde, concordou.
Compartilhar: