Auxílio emergencial: quase metade das mães solo que receberam benefício estão fora do Bolsa Família

67
0
Compartilhar:
image_pdfPDF
São 4,8 milhões de mulheres nessa situação. Responsáveis pelo sustento dos filhos, elas podem ficar sem qualquer benefício neste ano

[…] As mães solo representam uma parcela expressiva dos 68 milhões que receberam o benefício: elas são as responsáveis pelo sustento da família, mas não têm emprego com carteira e vivem em situação de vulnerabilidade social.

Além de sofrerem resistência maior para serem contratadas pelas empresas, elas lidam com o cenário de creches e escolas fechadas. Além disso, as vagas escassearam com o impacto da pandemia no setor de serviços.

— Essas mulheres já chegaram na pandemia em uma situação mais vulnerável, pois vivem em um tipo de domicílio mais suscetível à pobreza. Normalmente, as famílias com crianças têm mais dificuldade de gerar renda e costumam ter taxas de emprego e de informalidade maiores. Sem o apoio das escolas, a preocupação é maior — afirma o economista Pedro Fernando Nery.

Compartilhar: