Unindo tradição e tecnologia, mulheres indígenas lideram combate à pandemia

200
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

Lideranças de articulações no Brasil, Paraguai e Bolívia lutam para compensar o descaso dos Estados e os efeitos do coronavírus nas comunidades

(Revista AzMina | 14/08/2020 | Por Maria Fernanda Ribeiro)

Os grupos de Whatsapp de mulheres indígenas em que Cristiane Julião, da etnia Pankararu, participa apitam a todo instante com mensagens vindas de muitos lugares do país e do mundo. Isolada em sua aldeia, em Pernambuco, desde o começo da pandemia no Brasil, mas sempre conectada à internet, é de lá que ela colabora com as articulações das redes de solidariedade para levar ajuda aos povos originários para enfrentar o coronavírus

Acesse o artigo completo no site de origem.

Compartilhar: