Aborto: 7 em cada 10 brasileiros defendem que lei seja mantida ou ampliada

Compartilhar:
image_pdfPDF

(Universa| 25/03/2022 | Por Mariana Gonzalez)

A maioria dos brasileiros defende que o direito ao aborto legal seja mantido nos casos em que já é autorizado segundo a legislação brasileira—quando a gestação é decorrente de estupro, oferece risco de vida à gestante ou quando o feto tem anencefalia— ou que esse direito avance e se torne ainda mais amplo, abarcando outros casos além dos já previstos em lei.

É o que aponta a pesquisa “Percepções Sobre o Direito ao Aborto em Casos de Estupro”, feita pelo Instituto Patrícia Galvão e pelo Instituto Locomotiva. Para chegar a esse resultado, divulgado nesta sexta-feira (25), o levantamento ouviu 2.000 pessoas, homens e mulheres de todas as regiões do Brasil e maiores de 16 anos, entre 27 de janeiro e 4 de fevereiro deste ano.

Acesse a matéria completa no site de origem

 

 

Compartilhar: