TVE, do RS, demite funcionários que publicaram vídeo polêmico no YouTube

1075
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Portal Imprensa, 16/05/2014) Dois funcionários de marketing e redes sociais da TV Educativa de Porto Alegre (RS), a TVE, foram demitidos após publicar no YouTube o vídeo de uma apresentação da banda “Putinhas Aborteiras”. As músicas do show defendem o direito feminino ao aborto, além de críticas ao machismo e a Igreja Católica.

Segundo o Zero Hora, a apresentação original foi ao ar na madrugada do dia 25 de abril. Em nota, a direção da TVE argumentou que o conteúdo não poderia ter sido disponibilizado online, já que na web não existe censura por classificação etária.

Exibição do vídeo no YouTube causou demissão de dois funcionários da TVE Crédito:Reprodução

“A Fundação Piratini [que administra a TVE] reafirma o seu compromisso em abrir espaço para as mais diferentes vozes e formas de expressão do povo gaúcho e brasileiro, respeitando sempre a multiplicidade de opiniões presente na sociedade. A decisão diz respeito apenas ao equívoco de ter disponibilizado o conteúdo online no seu canal no Youtube”, diz a nota.

O vídeo foi removido do canal oficial da TVE e os nomes dos funcionários demitidos não foram divulgados. A exibição da apresentação gerou críticas na Câmara dos Vereadores de Porto Alegre. Mônica Leal (PP-RS) e Guilherme Socias (PP-RS) assinaram um requerimento de moção de repúdio à emissora, alegando que o grupo usa “linguajar chulo e de baixo nível”, que “fere a moral e os bons costumes do povo brasileiro.”

Assista ao vídeo:

Acesse o site de origem: TVE, do RS, demite funcionários que publicaram vídeo polêmico no YouTube

 

 

 

Compartilhar: