09/01/2011 – Mulher, democracia e desenvolvimento, por Flavia Piovesan e Silvia Pimentel (Folha)

268
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(Folha de S.Paulo) Sobre o significado e as expectativas da eleição da primeira presidenta do Brasil escrevem as professoras doutoras da PUC/SP Flavia Piovesan, membro da Força-Tarefa da ONU para a Implementação do Direito ao Desenvolvimento, e Silvia Pimentel, presidente do Comitê da ONU sobre a Eliminação da Discriminação contra a Mulher.

“Se hoje há no mundo 1 bilhão de analfabetos adultos, dois terços são mulheres. Consequentemente, 70% das pessoas que vivem na pobreza também o são -daí a feminização da pobreza. Garantir o empoderamento de mulheres é condição essencial para avançar no desenvolvimento. Os países que apresentam a menor desigualdade de gênero são justamente os mesmos que ostentam o maior índice de desenvolvimento humano.

Que a eleição de nossa primeira presidente e a composição de seu ministério (com um terço integrado por mulheres) tenham força catalizadora de impulsionar o empoderamento das mulheres brasileiras.

Afinal, como lembra Amartya Sen, ‘nada atualmente é tão importante ao desenvolvimento quanto o reconhecimento adequado da participação e da liderança política, econômica e social das mulheres. Esse é um aspecto crucial do desenvolvimento como liberdade’.”

Leia esse artigo na íntegra: Mulher, democracia e desenvolvimento, por Flavia Piovesan e Silvia Pimentel (Folha de S.Paulo – 09/01/2011)

Compartilhar: