Briga de família leva a um em cada dez homicídios em São Paulo; 13% das vítimas são mulheres

643
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(O Estado de S.Paulo, 11/01/2016) Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), dos 3.414 homicídios dolosos registrados entre janeiro e novembro de 2015 , 5,9% aconteceram após desavenças entre companheiros e 3,7% entre familiares. Para especialistas, além dos homicídios provocados por um episódio de descontrole, há outro grupo de assassinatos em ambiente doméstico marcado por antecedentes de ameaças e agressões – como os casos de violência contra a mulher. Em março, uma mulher foi esfaqueada pelas costas pelo companheiro na frente dos filhos de 9 e 10 anos, na região de Guaianases, na zona leste da capital. Aos policiais, familiares disseram que o casal vivia um “relacionamento conturbado”. “Muitas vezes, esses homicídios são previsíveis porque há histórico”, afirma o sociólogo Túlio Kahn, ex-analista da Segurança Pública.

Leia a íntegra no Portal Compromisso e Atitude: Briga de família leva a um em cada dez homicídios em São Paulo; 13% das vítimas são mulheres (O Estado de S.Paulo,11/01/2016)

Compartilhar: