Convênio pode dar mais celeridade às varas de violência contra mulher

737
0
Compartilhar:
image_pdfPDF

(TJGO, 01/07/2015) Um convênio entre os tribunais de justiça do País e instituições de ensino superiores para conceder vagas de estágio curricular obrigatório e não obrigatório nas varas de violência doméstica e Familiar contra a mulher. Com essa ideia, a vice-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia Antunes Rocha (à esquerda) promoveu encontro na terça-feira (30), em Brasília, do qual participou o desembargador Luiz Cláudio Veiga Braga.

Acesse a íntegra no Portal Compromisso e Atitude: Convênio pode dar mais celeridade às varas de violência contra mulher (TJGO, 01/07/2015)

Compartilhar: